O que é recaída “de ouro”?

Todos sabem que as recaídas são sempre algo desastroso e perigoso. Inclusive devemos ser intolerantes com qualquer forma de recaída já que não existem desculpas capazes de justificar o retorno à adicção[1]. Contudo, será que existe alguma recaída que pode ser compreendida como sendo positiva? Pode existir alguma recaída que seja promissora?

Você já deve ter ouvido alguém falar que não usa drogas/álcool há “07 anos e 12 dias” ou “09 anos e 17 dias”. De fato, alguns abstêmios contam seus períodos de abstinência de modo muito preciso. Essa forma de contagem exata do período de abstinência tem alguma utilidade? Por qual motivo é feita essa contagem?

Imagine o seguinte: um adicto foi internado diversas vezes e, após breves lapsos temporais abstêmios, reintoxicava-se fisicamente, ou seja, iniciava e concluía seu processo de recaída. Esse ciclo “intoxicar-desintoxicar-reintoxicar”[2] pode ser realizado diversas vezes e, em alguns casos, temos abstêmios que tiveram centenas de recaídas. Contudo, imagine que, após sucessivas recaídas, aquela pessoa que era adicta consegue interromper de forma definitiva seu uso de drogas/álcool. Em síntese, mesmo após ter recaído diversas vezes (reintoxicação física) a pessoa consegue, posteriormente, iniciar, manter e evoluir de maneira abstêmia. Nesse caso, podemos denominar a última recaída que a pessoa teve, antes de iniciar sua abstinência, como sendo a RECAÍDA “DE OURO”.

A RECAÍDA “DE OURO” consiste na última recaída que a pessoa teve/sofreu. Após essa recaída o abstêmio começa seu caminho de abstinência. A última recaída consiste no fim do período de adicção e sinaliza o início da abstinência. No exato momento em que termina a recaída “de ouro” se inicia o período de desintoxicação e, logo após, o início da própria abstinência. O lado bom e positivo dessa recaída é que ela será a última antes de iniciar o processo de abstinência. Entretanto, a última recaída só será “de ouro” se o abstêmio retomar seu processo de abstinência e conseguir manter-se sóbrio de maneira constante, contínua e permanente.

Toda recaída é extremamente grave – gravíssima – e pode resultar em diversas tribulações (morte, doença psiquiátrica, prisão ou agravamento de doenças clínicas). Contudo, se a pessoa retornar e conseguir permanecer em abstinência, essa recaída será muito marcante porque terá a peculiaridade de ser analisada e relembrada sucessivas vezes em futuras partilhas. Por isso, muitos abstêmios conseguem lembrar a data exata em que iniciaram seu período de abstinência. É mais ou menos assim: “a última recaída a gente nunca esquece”.

OBSERVAÇÃO: em casos raríssimos a pessoa consegue iniciar e desenvolver sua abstinência logo após a sua primeira e única desintoxicação. Excepcionalmente, nesses casos, não teremos uma recaída “de ouro” já que o abstêmio nunca recaiu. Teremos pura e simplesmente o início da abstinência. Repito: são casos raros, mas existem e conheço pessoalmente alguns deles.

DADOS TÉCNICOS: A última recaída consiste no fim do período de adicção e sinaliza o início da abstinência, ou seja, ocorre no Ponto “F” da escada abstêmia. No exato momento em que termina a recaída “de ouro” se inicia o período de desintoxicação e, logo após, o início da fase de abstêmio menor (Ponto “R”) que terá a duração de 02 ou 03 anos.

Bons estudos!

Escritor: Péricles Ziemmermann

____________

REFERÊNCIAS

[1] Sugerimos, humildemente, que assista ao vídeo: PRINCÍPIO DA INTOLERÂNCIA DA RECAÍDA

 [2] Sugerimos, humildemente, a leitura do texto: O QUE É O CICLO DESINTOXICAÇÃO-REINTOXICAÇÃO?

ZIEMMERMANN, Péricles. PRINCÍPIOS ABSTEMIOLÓGICOS. Porto Alegre/RS: Editora Simplíssimo, 2018. ISBN 978-85-824565-3-8

ZIEMMERMANN, Péricles. TEORIAS ABSTEMIOLÓGICAS. Porto Alegre/RS: Editora Simplíssimo, 2019. ISBN 978-85-824566-2-0

ZIEMMERMANN, Péricles. ITINERÁRIOS ABSTEMIOLÓGICOS. Porto Alegre/RS: Editora Simplíssimo, 2020. ISBN 978-85-924432-3-8

ZIEMMERMANN, Péricles. ABSTEMIOPATIAS. Porto Alegre/RS: Editora Simplíssimo, 2021. ISBN 978-85-824583-6-5

Para mais informações: COMPRANDO LIVROS TÉCNICOS

Por Pericles Ziemmermann

Autor dos livros "PRINCÍPIOS ABSTEMIOLÓGICOS", "TEORIAS ABSTEMIOLÓGICAS", "ITINERÁRIOS ABSTEMIOLÓGICOS" e "ABSTEMIOPATIAS". Advogado e especialista em diversas áreas. Pesquisador de temas abstemiológicos. Criador do maior site do Brasil sobre estudos da Vida Abstêmia: Abstemiologia.