Clivagem abstemiológica

A CLIVAGEM é o estudo da divisão ou separação de um fenômeno para poder compreendê-lo de modo fragmentado. Existe clivagem embrionária (divisões celulares), social (grupos e subgrupos sociais), linguística (sintaxe da língua), mineral (planos e faces) e psicológica (ego). Entretanto, como ocorre a clivagem da abstinência? É possível fragmentar a abstinência para compreender esse fenômeno? Penso que sim e, neste breve estudo, analisaremos isto.

RECAÍDA SEM USO

Já firmamos a posição de que a recaída é um processo de sucessivas fases em que a última etapa consiste na reintoxicação física do abstêmio. Por isso, esse fenômeno deve ser compreendido como sendo um PROCESSO DE RECAÍDA. Apesar disso, sei que existem opiniões em sentido divergente e que vislumbram a recaída como sendo somente um fato ou ato. Sim, a maioria dos doutrinadores compreende a recaída como sendo um ato, qual ato? A reintoxicação física da pessoa. Todavia, mesmo para estes doutrinadores existe a denominada RECAÍDA EMOCIONAL em que não há propriamente a reintoxicação física, mas, somente, a reintoxicação emocional, psicológica ou cognitiva.

Internação involuntária

Abordagem policial, inscrição em cartório por dívida, intimação para depor, busca e apreensão decretada pela Justiça, demissão de emprego por justa causa, internamento por dependência química ou alcoolismo são formas de constrangimento, mas são legais. Sem dúvida, internamento é muito constrangedor, principalmente para a família e para o acolhido, mas é legal, moral, ético e necessário.